Para além do desaire em Chievo, os campeões italianos, que há uma semana perderam por 1-0 o “derby” de Milão, arriscam uma pena pesada a Samuel Eto’o, que agrediu Bostjan César com uma cabeçada “à Zidane”.

Com esta derrota, com os golos do Chievo a serem apontados por Pellisier e Moscardelli e Samuel Eto’o a reduzir, aos 92 minutos, dado que o árbitro não viu a cabeçada em César, o Inter está já a nove pontos do líder AC Milan.

A Juventus, terceira classificada, foi arrancar um precioso triunfo ao recinto do Génova, por 2-0, numa partida em que Eduardo esteve em evidência, pela negativa, já que foi o último a tocar na bola em ambos os golos.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.