A Juventus conquistou hoje o seu 28.º campeonato de Itália, ao vencer na Sardenha o Cagliari por 2-0, na 37.ª jornada, e beneficiar da derrota por 4-2 do AC Milan, em San Siro, perante o rival Inter.

A “Vecchia Signora” não era campeã de Itália há nove anos, desde a época 2002/2003, mas é a equipa com mais campeonatos no seu currículo: soma agora 28, contra 18 de Inter de Milão e AC Milan, que era o detentor do título.

A vitória da Juventus foi incontestável e cedo começou a ser desenhada, logo aos seis minutos, quando o montenegrino Marko Vucinic colocou a equipa em vantagem, a passe de Bonnuci, mantendo a equipa o controlo da partida, pese a réplica do Cagliari, que luta pela manutenção na “Serie A”.

A confirmação do triunfo chegou aos 74 minutos, quando o defesa Michele Canini, apertado por um adversário, teve a infelicidade de meter mal o pé à bola, na tentativa de executar o corte, introduzindo-a na própria baliza, num vistoso “chapéu” ao seu guarda-redes.

Na outra partida em que o título estava em jogo, e como se esperava, o Inter, ainda na corrida à “Champions”, não facilitou um milímetro e acabou por “roubar” o cetro ao AC Milan.

O Inter adiantou-se no marcador aos 14 minutos, pelo argentino Diego Milito, após assistência do compatriota Walter Samuel, mas à beira do intervalo, o inevitável sueco Zlatan Ibrahimovic repôs a igualdade, na transformação de uma grande penalidade.

O sueco voltou a marcar no início da segunda parte (31 segundos), após assistência do brasileiro Robinho, mas duas grandes penalidades cobradas por Diego Milito, aos 53 e 80 minutos, viraram o resultado a favor do Inter.

O AC Milan, sob a pressão de ter de ganhar, tanto mais que a Juventus vencia na Sardenha, ainda tentou reagir, mas, aos 87 minutos, o brasileiro Maicon sentenciou o jogo, com um monumental pontapé de fora da área.

Nos outros jogos da 37.ª jornada, destaque para a luta pelo terceiro lugar, que dá acesso ao “play-off” da Liga dos Campeões, entre Udinese (61 pontos), Lazio (59) e Nápoles e Inter (ambos com 58).

A Udinese venceu o Genova por 2-0, o mesmo resultado com que a Lázio foi a Bérgamo bater a Atalanta, enquanto o Nápoles perdeu por 2-0 em Bolonha.

Na última jornada, a 38.ª , a Udinese vai ao terreno do Catania, a Lazio recebe o Inter, enquanto o Nápoles defronta o Siena, no San Paolo.

A luta pela manutenção também esta acesa, com o Génova (0-2 em Udine) a manter três pontos de avanço sobre o Levve (perdeu na receção à Fiorentina por 1-0, no sábado).

Nos outros jogos disputados hoje, o Siena perdeu em casa com o Parma por 2-0, o Novara venceu na receção ao Cesena por 3-0, ao passo que o Palermo (com três golos do ex-benfiquista Miccoli) e o Chievo empataram a quatro golos, na capital da Sicília.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.