Em causa estiveram as aquisições dos passes de Diego Milito e de Thiago Motta, que trocaram o Génova pelo Inter de Milão, no final da época 2008/09.

A Comissão Disciplinar condenou ainda Moratti a pagar uma multa de 45 mil euros, enquanto o presidente do Génova foi suspenso por seis meses e com uma multa de 90 mil euros.

“Não me sinto culpado. Não tiveram em conta a nossa defesa e as nossas justificações. Tenho muito respeito pelos juízes, mas menos pela federação. Tinha razão [José] Mourinho quando disse que este ano nos fariam pagar”, disse Massimo Moratti após conhecer o castigo.

Os factos do castigo de Moratti reportam-se a 20 de Maio de 2009, quando se reuniu com Preziosi, que se encontra a cumprir desde Maio de 2008 um castigo de cinco anos, por actos ilícitos no âmbito desportivo e relativos à época 2003/04.

O Inter de Milão conseguiu na última época vencer a Liga dos Campeões, a liga italiana e a Taça de Itália.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.