A Roma conseguiu hoje uma excelente vitória em Milão, sobre o Inter, triunfando em San Siro por 2-1, o que lhe permite subir provisoriamente ao quarto lugar da Liga italiana de futebol.

José Mourinho, o treinador português que orienta os romanos, viu o jogo da bancada, por estar suspenso, com evidente alegria, já que esta é a primeira vitória dos 'lobos' nos confrontos com os 'nerazzurri' em San Siro nos últimos cinco anos.

Mourinho, em Roma desde o verão do ano passado, já tinha jogado contra o Inter por três vezes, sempre com derrotas.

Agora, na oitava jornada da Serie A, a Roma - com Rui Patrício na baliza - confirmou a sua candidatura aos primeiros lugares, ao mesmo tempo que o poderoso Inter prolongou a crise, ao chegar à quarta derrota em oito jogos.

O Inter continua em sétimo, com 12 pontos, já a 12 pontos do líder Nápoles, hoje vencedor por 3-1 na receção ao Torino.

Federico di Marco adiantou o Inter, aos 30 minutos, após o que as fragilidades defensivas da equipa da casa foram evidentes, com a Roma a marcar por duas vezes, através de Paulo Dybala (39), a passe de Leonardo Spinazzola, e do cabeceamento de Chris Smalling (75).

A Roma, de qualquer forma, teve alguma sorte no jogo, já que Edin Dzeko viu um golo ser anulado e Hakan Calhanoglu enviou um livre direto ao poste.

A oitava jornada do campeonato italiano prossegue ainda hoje, com a deslocação do campeão AC Milan a Empoli.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.