O Palermo, equipa da primeira divisão transalpina de futebol, anunciou esta quarta-feira a destituição do treinador Delio Rossi, três dias depois da derrota na final da Taça de Itália, face ao Inter de Milão (1-3).

Em comunicado, o clube siciliano informa que a decisão foi tomada de «forma consensual» entre o próprio treinador e o presidente do clube, Maurizio Zamparini.

«O presidente Maurizio Zamparini e o treinador Delio Rossi reuniram-se hoje e avaliaram serenamente as respectivas posições, reafirmando a estima recíproca pela seriedade e o trabalho desenvolvido», diz a nota.

De acordo com a imprensa italiana, o «divórcio» tem a ver com a vontade de Rossi em ter um projecto a «médio e longo prazo», enquanto o presidente só lhe tinha a propor a renovação de contrato por uma época.

O próximo treinador do Palermo, ainda de acordo com os media transalpinos, poderá ser o actual técnico do Chievo, Stefano Pioli.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.