Durante os festejos da conquista da Supertaça, no Algarve, Marcelo Boeck ‘banhou’ o colega Slimani com uma garrafa de champanhe e o argelino ficou muito irritado com o colega.

Islam Slimani é muçulmano e não pode tocar em bebidas alcóolicas.

O avançado leonino protestou em direção ao guarda-redes e dirigiu-se imediatamente ao banco para se lavar com uma garrafa de água.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.