José Peseiro ao segundo encontro averbou a sua primeira derrota ao serviço do FC Porto. Os "dragões" foram derrotados fora de portas pelo Feirense (2-0). O conjunto azul-e-branco já estava fora da Taça da Liga. Destaque para a titularidade de Chidozie no onze portista.

O FC Porto chegou ao intervalo a perder por 1-0 com o Feirense. O único golo do primeiro tempo foi apontado por Hélder Castro de grande penalidade, à passagem dos 38 minutos. Rúben Neves derrubou Vieirinha na área e o árbitro não teve dúvidas em assinalar a grande penalidade.

Sem hipóteses em seguir em frente na Taça da Liga, José Peseiro resolveu apostar num onze alternativo. A partida foi muito disputada a meio campo, mas teve poucas oportunidades no primeiro período. Os "dragões" não conseguiram sequer um lance de perigo evidente junto da área da equipa da casa.

No início do segundo tempo, o encontro ganhou outros motivos de interesse. Começaram a surgir as oportunidades e os lances de perigo.

Aos 50 minutos, o Feirense quase fez o 2-0, depois de uma saída em falso de Hélton. Agostinho Carvalho não conseguiu aproveitar a oferta e atirou às malhas laterais.

Quatro minutos depois e de novo a equipa da casa a criar perigo. Na sequência de um pontapé de canto, Vieirinha cabeceou, mas valeu o guardião brasileiro, desta feita a ser decisivo.

Só aos 69 minutos, o FC Porto se acercou pela primeira vez com perigo das redes do adversário. André Silva com tudo para marcar ao segundo poste, atirou por cima num falhanço incrível.

Aos 74 minutos, Suk tentou o golo, num golpe de cabeça, mas sem sucesso.

Aos 80 minutos, Porcelis fez o segundo golo do Feirense e matou o jogo. Depois de ter intercetado um remate, a bola ficou à sua mercê e frente a Hélton não perdoou.

Com este resultado, segue o Marítimo para as meias-finais da Taça da Liga. Esta partida serviu para José Peseiro testar um sistema alternativo, através de um 4-4-2 losango. Os jogadores estranharam e a equipa ressentiu-se. Tem muito trabalho pela frente o técnico português.

Foi a primeira vitória de sempre do Feirense frente ao FC Porto.

Onze do FC Porto: Helton; Víctor García, Maicon, Chidozie e José Ángel; Rúben Neves, Imbula e Sérgio Oliveira; Varela, André Silva e Suk.

Suplentes do FC Porto: Gudiño, Maurício, Pité, Francisco Ramos, Rodrigo, Gleison e Omar Govea.

Onze do Feirense: Alampasu; Mika, Agostinho Carvalho, Ícaro e Diga; Hélder Castro e Semedo; Kukula, Vieirinha e Ali Meza; Sunday Emmanuel.

Suplentes do Feirense: Makaridze, Porcellis, Jonathan Niguez, Michael Freire, Serginho, Vasco Rocha a Nuno Diogo.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.