Dois golos de Pedro Moreira deram o triunfo ao conjunto da Liga de Honra na recepção ao primodivisionário Marítimo, que precisva de golear o Fátima na terceira e última jornada do Grupo C para igualar o Trofense e fazer valer uma melhor diferença de golos.

No entanto, o Marítimo foi surpreendido pelo CD Fátima, logo aos oito minutos, com um cabeceamento, bem sucedido, de Pedro Moreira, após cruzamento da direita de Marco Matias.

Dez minutos depois, o avançado cedido ao CD Fátima pela União de Leiria voltou a bater o guarda-redes Peçanha, antecipando-se à defensiva do Marítimo, com um desvio na pequena área, novamente após cruzamento da direita, de João Vilela.

A formação comandada pelo holandês Mitchell van der Gaag, mesmo sem acelerar, reduziu a desvantagem, aos 37 minutos, através do suplente Olberdam que, à boca da baliza, desviou um remate de Roberto Sousa, após um canto da direita, perante a passividade da equipa anfitriã.

Ainda na primeira parte, o avançado brasileiro Kléber conseguiu isolar-se, por duas vezes, mas em ambas as ocasiões, aos 27 e 44, frente a Hugo Pinheiro, não conseguiu bater o guarda-redes do CD Fátima.

Na segunda parte, apesar da mudança de postura do Marítimo, foi o médio David Simão, que alinha no CD Fátima por empréstimo do Benfica, que quase voltou a bater Peçanha, com um remate potente de fora da área, mas acertou na trave da baliza "verde-rubra".

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.