Ricardo Sousa, treinador do Mafra, analisou a exibição da sua equipa frente ao FC Porto (2-2).

"Enalteço a atitude competitiva dos meus jogadores ante um adversário muito difícil. Tentámos jogar o jogo pelo jogo, de igual para igual com o FC Porto", disse.

"O meu plantel mostrou que tem qualidade para fazer muito mais. O FC Porto tem seis jogadores no Mundial, nós temos seis lesionados", acrescentou.

Já Gui Ferreira, autor de um golos do Mafra no Dragão, elogiou a imagem deixada pela sua equipa no Dragão.

"Vínhamos com o intuito de discutir o jogo até ao fim, não é fácil vir ao Dragão marcar dois golos, nem sequer me lembro de uma equipa que tenha conseguido essa proeza. Depois de estar a ganhar 2-0, a vitória entrou no nosso pensamento, mas o FC Porto apareceu muito forte na segunda parte e marcou logo a abrir, era o que não queríamos. Nunca abdicámos do nosso futebol mas o FC Porto, com muita gente na frente, criou bastante perigo. Apesar de tudo, deixámos uma grande imagem do Mafra e do nosso futebol", disse.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.