O treinador do FC Porto, Sérgio Conceição, falhou, este sábado, e a conferência de imprensa após a derrota na final da Taça da Liga de futebol, frente ao Sporting de Braga, abandonando o estádio ao lado do presidente Pinto da Costa.

Sem se deslocar à sala de imprensa, o técnico, de 45 anos, passou na zona mista do estádio acompanhado pelo presidente do clube ‘azul e branco', Pinto da Costa, e também pelo dirigente Luís Gonçalves, e entrou no autocarro para a viagem de regresso dos ‘dragões' ao Porto.

Após a final da 13.ª edição da Taça da Liga, Sérgio Conceição colocou o lugar à disposição da administração do clube, na ‘flash interview' da Sport TV, tendo afirmado que falta "união dentro do clube" portista".

Com a derrota de hoje, os 'dragões' perderam o primeiro título da temporada, estando em segundo lugar na I Liga portuguesa, a sete pontos do líder Benfica, e nas meias-finais da Taça de Portugal, em que vão defrontar o Académico de Viseu, além da Liga Europa, em que vão jogar, nos 16 avos de final, com os alemães do Bayer Leverkusen.

"Nós temos de olhar para dentro. É preciso responsabilidade coletiva. Não estou a falar do grupo de trabalho, é toda a gente. É difícil trabalhar em determinadas condições", atirou Conceição.

Antigo jogador do clube, Conceição conquistou, até agora, uma Liga portuguesa e uma Supertaça pelos portistas, conseguindo 38 vitórias em 52 jogos no primeiro ano, 42 triunfos em 57 encontros na temporada transata e, já nesta época, 25 vitórias em 34 partidas.

O Sporting de Braga venceu hoje o FC Porto, por 1-0, no jogo da final da Taça da Liga de futebol, disputado em Braga, com um golo de Ricardo Horta aos 90+5 minutos.

*Artigo atualizado às 00h02

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.