Depois de ter conquistado a Supertaça com o Sporting, no início da época 2015/16, Jorge Jesus chega agora, pela primeira vez, a uma final ao serviço dos ‘leões’. Este sábado, frente ao Vitória de Setúbal, o treinador do clube de Alvalade terá oportunidade de garantir pela sexta vez a Taça da Liga, contando já com cinco no currículo, todas aquando da sua passagem pelo Benfica.

Jesus, contudo, já garantiu o empenho e a vontade de vencer pelo Sporting como se a prova fosse uma estreia na sua carreira. "Já tenho cinco por outro clube e esta é uma possibilidade para conquistar títulos, porque os clubes vivem de títulos e os adeptos sonham com títulos. Estou superentusiasmado, como se nunca tivesse ganhado nenhuma Taça da Liga", disse o técnico ‘leonino’, na antevisão ao encontro da meia-final com o Sporting.

Mas ganhou. Uma mão cheia delas. A primeira vez que levantou o troféu foi há quase oito anos, logo na época de estreia no Benfica. Em março de 2010, no Estádio do Algarve, e num jogo marcado por incidentes fora de campo, os ‘encarnados’ repetiam o feito da época passada – tinham vencido o Sporting nos penáltis - após baterem o FC Porto por 3-0. Marcaram Rúben Amorim, Carlos Martins e Óscar Cardozo.

Jorge Jesus dá indicações ao jogadores do Benfica durante a final de 2010, com o FC Porto créditos: LUSA

No ano seguinte, mudava o palco da final (Coimbra), mas não o vencedor. Jorge Jesus somava a segunda Taça da Liga, desta vez ao triunfar sobre o Paços de Ferreira (por 2-1), então orientado por Rui Vitória. Franco Jara e Javi García foram os autores dos golos das ‘águias’, sendo que Luisão ainda marcou na própria baliza, mas sem influência no resultado final. De referir que, tanto nesta como na temporada anterior, o emblema da Luz eliminou o Sporting nas meias-finais.

Jorge Jesus celebra com Cardozo a conquista da Taça da Liga, em 2011 créditos: LUSA

O terceiro triunfo consecutivo de Jesus (quarto do Benfica) também teve como ponto alto a meia-final, com os ‘encarnados’ a vencerem em casa o FC Porto por 3-2, depois de terem estado a perder por 2-1, num embate que ficou decidido pelo suplente Cardozo, aos 77 minutos. Na final, Saviola apontou o 2-1 final face ao Gil Vicente, aos 84’.

Benfica vs Gil Vicente
Jogadores do Benfica conquistam mais um troféu, agora em 2012 créditos: LUSA

Em seis temporadas no comando técnico das ‘águias’, Jorge Jesus apenas por uma vez falhou a conquista da Taça da Liga: foi em 2012/13, quando caiu nas meias-finais frente ao SC Braga – vencedor do troféu nessa temporada. Uma época ‘maldita’ para o Benfica, que ainda haveria de perder o título para o FC Porto, a final da Liga Europa e da Taça de Portugal, tudo isto em poucos dias. A ‘redenção’ chegaria um ano depois, com nova eliminação do FC Porto nas ‘meias’ (nas grandes penalidades) e um triunfo na final sobre o Rio Ave por 2-0 – marcaram Rodrigo e Luisão.

Benfica vs Rio Ave
Jorge Jesus oferece um cachecol a um adeptos das 'águias', depois do triunfo sobre o Rio Ave créditos: LUSA

O último troféu do agora treinador do Sporting foi levantado na época de despedida do Benfica, em 2014/15. No Estádio Cidade de Coimbra, a formação ‘encarnada’, que já havia selado a conquista do bicampeonato, bateu o Marítimo por 2-1, com golos de Ola John e Jonas. Uma mão cheia de troféus, que explicam, em parte, o porquê de a Taça da Liga ser conhecida por muitos adeptos como a ‘Taça Benfica’.

Gaitán, Pizzi, Jonas e Jesus: peças fundamentais na conquista de mais um troféu créditos: LUSA

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.