O treinador do Vitória de Setúbal, Bruno Ribeiro, afirmou-se confiante num bom resultado no jogo com a Naval, da primeira mão da segunda fase da Taça da Liga em futebol, que se realiza quarta-feira na Figueira da Foz.

«É uma eliminatória que queremos passar, como é lógico, porque queremos estar na fase de grupos. É um jogo contra uma boa equipa, muito experiente e que está recheada de bons jogadores, de I Liga», disse o treinador do Vitória de Setúbal.

Consciente de que o Vitória de Setúbal não esteve bem nas últimas partidas da Taça de Portugal (derrota por 1-0 com o Mirandela) e do campeonato (derrota por 1-0 com o Marítimo), Bruno Ribeiro disse que a equipa melhorou no jogo da Madeira, mas não o suficiente.

«No último jogo, melhorámos um bocadinho, mas não foi suficiente. Temos de estar a nosso nível, porque só ao nosso nível é que conseguimos ir ganhar à Figueira da Foz», advertiu o jovem técnico do Vitória de Setúbal.

«Temos entrado mal, logo a perder. Depois, as equipas adversárias fecham-se e sentimos algumas dificuldades. Já falámos, já retificámos, agora vamos esperar que no próximo jogo isso não aconteça», acrescentou.

Para Bruno Ribeiro, a «falta de concentração» é mesmo a única explicação possível para o facto de a equipa “sadina” sofrer golos no início das partidas.

Esta é, no entanto, uma situação que o treinador do Vitória de Setúbal também pretende corrigir já no jogo da Taça da Liga, com a Naval, até porque se trata de uma competição em que a equipa já tem tradição.

«Queremos ir o mais longe possível», disse Bruno Ribeiro, lembrando que a primeira prioridade passa por assegurar a presença na terceira fase, para depois tentar chegar à final e, se possível, conquistar de novo o troféu que ele próprio já conquistou, enquanto jogador, na primeira edição.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.