Depois da surpreendente derrota dos portistas no Estádio Cidade de Coimbra, algumas dezenas de adeptos azuis e brancos juntaram-se à saída, onde estava estacionado o autocarro que transportaria a comitiva portista para a Invicta, para demonstrar o descontentamento com a exibição da sua equipa esta noite.

Os jogadores portistas não se apresentaram na habitual zona mista para falar com os jornalistas mas à saída tiveram de enfrentar os adeptos descontentes.

O centro do alvo da revolta azul e branca tinha pelo nome Vítor Pereira, onde muitos pediram a sua demissão.

Pouco depois, o autocarro deixou o Estádio Cidade Coimbra e em vez de “V´s” de vitórias nas mãos dos adeptos viram-se dedos espetados e insultuosos.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.