André Villas-Boas mostrou a sua indignação pela arbitragem de Carlos Xistra após o encontro contra o Vitória de Guimarães e o presidente do Benfica apelidou o comportamento do técnico do FC Porto de “ridículo”.

André Villas-Boas não se ficou por meias palavras e ripostou

“Não sei se é mais ridículo o meu comportamento ou o comunicado do Benfica. Se quiserem abandonar a Taça da Liga sabem que há consequências graves. E também pedem que os adeptos não se desloquem aos jogos fora da Luz?! Não sei o que é mais ridículo. Se isso ou uma interpelação normal de um técnico a um caso de jogo”, atirou André Villas-Boas à margem da projecção do encontro com o Limianos, da Taça de Portugal.

Por falar em Benfica, já se “joga” o grande clássico da 10ª jornada, a 7 de Novembro no Dragão, em que a comitiva encarnada ameaça não se deslocar ao norte.

Neste tema, Villas-Boas mostrou-se completamente contra a violência.

“Faço o mesmo e espero que nada de mal aconteça. Espero que haja jogo entre o Porto e o Benfica e que a comitiva deles chegue intacta. Qualquer acto de violência é condenável”, disse em tom sério.

O técnico disse ainda que se está a fazer uma “dramatização” sobre esse encontro: “Nós só queremos jogar no campo. Conquistar seis pontos nas próximas semanas e depois vencer o Benfica”.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.