Os treinadores Ricardo Sá Pinto e Pedro Emanuel vão defrontar-se pela primeira vez numa final da Taça de Portugal, já que nunca se encontraram nos 16 anos em que ambos pisaram os relvados como profissionais de futebol.

Na época de estreia como treinadores principais, os timoneiros de Sporting e Académica levaram as respetivas equipas à final de uma prova que ambos conquistaram enquanto jogadores, ainda que nunca como adversários.

Nas 16 épocas como profissionais, Sá Pinto e Pedro Emanuel defrontaram-se em sete ocasiões, seis das quais para o campeonato nacional e apenas uma para a Taça de Portugal, há pouco mais de seis anos.

A 22 de março de 2006, o “leão” Sá Pinto e o “dragão” Pedro Emanuel coincidiram nas meias-finais, no Estádio do Dragão, num “duelo” resolvido a favor dos locais, nas grandes penalidades, depois de Liedson e McCarthy marcarem no prolongamento (1-1).

Os agora técnicos mereceram a confiança de Paulo Bento e Co Adriaanse nos "onze" iniciais, mas, curiosamente, nenhum dos dois completou o encontro: Sá Pinto seria substituído pelo chileno Rodrigo Tello, no início do prolongamento, enquanto Pedro Emanuel daria lugar ao avançado Hugo Almeida, aos 110 minutos.

De resto, a época 2005/2006 seria a última de Sá Pinto como jogador do Sporting, antes de se transferir para os belgas do Standard de Liège, clube em que viria a encerrar a carreira de futebolista, na temporada seguinte.

Por outro lado, e apesar da ausência de confrontos na final do Jamor, ambos os técnicos conquistaram a prova enquanto jogadores, com clara vantagem para Pedro Emanuel, que arrecadou quatro troféus (três pelo FC Porto e um pelo Boavista), contra apenas um de Sá Pinto, pelo Sporting.

No entanto, em termos de presenças no Jamor, o registo equilibra-se, já que o atual treinador dos "estudantes" jogou três das seis finais em que os seus clubes estiveram envolvidos, apenas mais uma que Sá Pinto, que participou em duas finais pelos "leões".

Pedro Emanuel participou nas partidas de 2003/04 (39 minutos), 2005/06 (90) e 2007/08 (120), todas pelo FC Porto, enquanto Sá Pinto disputou as finais de 1994/95 (11 minutos) e 1995/96 (90).

Sporting e Académica disputam domingo a 72.ª final da Taça de Portugal, a partir das 17h00, no Estádio Nacional, em Lisboa.   

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.