Em declarações à RTP, Sérgio Conceição, treinador do FC Porto, considerou que o favoritismo para a final de sábado, entre 'dragões' e 'águias' está dividido de igual modo pelos dois emblemas.

"Independentemente da forma das equipas, o jogo vai ter a sua história,  a sua própria vida e eu acho que o favortismo é 50/50", afirmou.

Realçando que a sua equipa tem de continuar a seguir os seus princípios para não sofrer contra a "qualidade individual e dinâmica coletiva" do Benfica, Conceição considera que nesta altura os dois conjuntos já se conhecem bem, mas que o FC Porto tem de ser mais feliz que em anos anteriores na final da Taça.

"Nós conhecemo-nos bem, nós ao Benfica e o Benfica a nós. Vai ser, e espero que seja, uma grande final. A Taça tem de ser nossa este ano, espero que possamos ser mais felizes", concluiu.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.