O Presidente da República chefia a Comissão de Honra do I Congresso Olímpico Cabo-verdiano que se realiza de 29 a 31 do corrente na Assembleia Nacional, projetado para ser um dos eventos que marcarão o ano desportivo de 2016 no país.

Jorge Carlos Fonseca, que preside à cerimónia de abertura que acontece às 18 horas desta sexta-feira, integra a Comissão de Honra juntamente com a ministra da Educação e Desportos, Fernanda Marques, a presidente do Comité Olímpico Cabo-verdiano (COC) Filomena Fortes e outras individualidades.

De acordo com a presidente do COC, pretende-se com este congresso, que lança o ano das olimpíadas do Brasil em Cabo Verde, promover a agenda 2020 do Comité Olímpico Internacional, difundir a educação desportiva e a cultura olímpica entre os cabo-verdianos.

O evento conta com a participação de vários especialistas do desporto cabo-verdiano e internacional e amantes do desporto em volta do Olimpismo em Cabo Verde e no mundo e abarca temas como Olimpismo e Desenvolvimento Humano; Olimpismo, Ética e Sociedade; A Educação Olímpica no Sistema Educativo, Movimento Olímpico em África; A Situação Desportiva de Cabo Verde e o Olimpismo e a Promoção do Turismo no Arquipélago.

O professor catedrático da Faculdade de Motricidade Humana de Portugal, Gustavo Pires, o presidente do Comité Pierre de Coubertin do Brasil, Nelson Todt, e também a presidente do Comité Olímpico Cabo-verdiano Filomena Fortes, integram a lista de 21 oradores, deste congresso.

Segundo o COC, as inscrições lotaram em apenas dois dias pelo que o Congresso deverá abarcar 190 pessoas, entre estudantes do desporto, atletas, federações, entidades governamentais e sociedade em geral.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.