A seleção sueca, vice-campeã mundial no Egito2021 e vice-campeã olímpica em Londres2012, Sydney2000, Atalanta1996 e Barcelona1992, sentiu sérias dificuldades para vencer o estreante Bahrain, que só cedeu nos momentos finais da partida.

A Suécia chegou à vantagem de cinco golos aos 8-3, mas um jejum de cerca de oito minutos sem marcar no final da primeira parte permitiu ao Bahrain anular a diferença, com um parcial de 6-0, e atingir o intervalo a vencer por 18-16.

O equilíbrio rondou o início da segunda parte, em que a seleção sueca correu sempre atrás da desvantagem, sem permitir ao Bahrain descolar no marcador para um patamar confortável, alcançando sucessivas igualdades (27-27, 28-28 e 29-29).

A seleção asiática entrou para os últimos minutos a vencer por 31-29, mas não conseguiu segurar a vantagem, que lhe escapou com três golos sofridos, que deixou a Suécia a vencer por 32-31, e um livre de sete metros falhado nos últimos segundos.

A Suécia, com Hampus Wanne em destaque, com 13 golos, assumiu a liderança do grupo B, com dois pontos, que prossegue ainda hoje com os jogos Portugal-Egito, às 11:30, e Dinamarca-Japão, às 13:30 (horas de Lisboa).

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.

Ajude-nos a melhorar o SAPO Desporto