O Governo brasileiro recomendou hoje às mulheres grávidas para que não viajem para o Brasil durante os Jogos Olímpicos, em agosto, por causa dos riscos para o feto associados ao vírus Zika.

“O risco, eu diria grave, é para mulheres grávidas. Então, obviamente, não é recomendável vir para o Brasil, porque não vamos correr riscos”, disse o chefe de gabinete do Governo, Jaques Wagner.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) decidiu hoje declarar os casos de microcefalia e de desordens neurológicas surgidas em bebés de mães que contraíram o vírus Zika no Brasil “emergência sanitária” de alcance internacional.

A OMS confirmou que até à data foram detetados casos do vírus em 25 países e territórios das Américas.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.