A Alemanha, uma das anfitriãs do Campeonato do Mundo de andebol, cedeu hoje um empate frente à Rússia (22-22), enquanto a França, campeã em título, aplicou mais uma goleada, à Coreia unificada (34-23), na terceira jornada.

Os germânicos, que contam com três títulos mundiais, perderam a vantagem que chegaram a ter no segundo tempo (20-17) e permitiram a recuperação dos russos. Os alemães ocupam o segundo posto do grupo A da primeira fase, com cinco pontos, um menos do que a líder França.

Os franceses, campeões em título, voltaram a aplicar a ‘lei do mais forte’ e somaram a terceira vitória no mesmo número de jogos, desta feita sobre a Coreia unificada (34-23), última colocada do grupo, que ainda não pontuou.

No mesmo grupo A, o Brasil, do jogador do Sporting Fabio Chiuffa (quatro golos), surpreendeu a Sérvia e conseguiu o primeiro triunfo na prova.

Já o outro anfitrião do campeonato, a campeã olímpica Dinamarca, bateu por 34-22 a Arábia Saudita e divide a liderança do grupo C com a vice-campeã mundial, Noruega, ambas com seis pontos, sendo que os noruegueses superaram a Áustria por 10 golos de diferença (34-24).

O grupo B também tem liderança partilhada, entre a Espanha, campeã europeia, que bateu por 26-22 o Japão, e a Croácia, quarta colocada no Mundial anterior, que venceu por 31-22 a Macedónia, do guarda-redes do Benfica Borko Ristovksi.

No grupo D, o sportinguista Frankis Marzo anotou cinco golos na derrota do Qatar frente à Hungria (32-26), enquanto Angola, treinada pelo antigo internacional português Filipe Cruz, até começou bem a partida com a Suécia, mas acabou por sofrer um desaire expressivo (37-19).

Na terça-feira, disputam-se os jogos da quarta jornada dos grupos A e C, com destaque para o Alemanha-França, às 19:30, em Berlim.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.