Um final de jogo emotivo ditou hoje o apuramento do Benfica para a fase de grupos da taça EHF de andebol, após vitória 28-24 diante dos croatas do RK Nexe, que tinham vencido a primeira mão.

Paulo Moreno, a nove segundos do fim, marcou o golo que apurou as ‘águias’, que viram ainda o RK Nexe desperdiçar um livre de sete metros a escassos cinco segundos do apito final.

Depois de uma derrota, em solo croata, na primeira mão, por 30-26, o Benfica recebeu o RK Nexe sabendo que teria de vencer por quatro ou mais golos de diferença para chegar à fase de grupos da prova, na qual saiu eliminado, no ano passado, nesta terceira eliminatória, aos pés do Hannover-Burgdorf, da Alemanha.

Numa primeira parte com poucos golos, o Benfica conseguiu chegar a uma vantagem de três golos, à passagem dos 20 minutos (9-6), mas os croatas reagiram e igualaram o marcador a 9-9, numa altura em que os ‘encarnados’ não conseguiam finalizar com êxito as suas jogadas, estando cerca de seis minutos sem marcar qualquer golo.

O Benfica recompôs-se e chegou ao intervalo com uma vantagem de dois golos (12-10), que abria boas perspetivas para o segundo período, na qual as ‘águias’ necessitavam de dilatar ainda mais a vantagem.

A diferença de quatro golos surgiu, pela primeira vez, no início da segunda parte, com os ‘encarnados’ a chegarem ao 15-11 e a abrandarem um pouco o ritmo da partida, que viu poucos golos nos minutos seguintes, nos quais o RK Nexe conseguiu reduzir a diferença para três golos.

Halil Jagonjac, com sete golos, e Sasa Barisic, com seis, foram os jogadores em maior destaque no lado croata, enquanto Paulo Moreno, com seis golos, foi o melhor marcador do Benfica.

A nove segundos do fim, quando o resultado se encontrava em 27-24, foi mesmo o capitão das ‘águias’ a apontar o golo decisivo que atirou o Benfica para a frente da eliminatória, mas podia ter deitado tudo a perder, quando impediu o ataque rápido a Marin Jelinic, tendo ambos sido expulsos.

Quando faltavam apenas cinco segundos, num livre direto crucial para os croatas, que asseguravam a passagem com o golo, Ivan Vida atirou à trave da baliza de Borko Ristovski, para grande euforia nas bancadas do pavilhão da Luz, que viram o conjunto português a apurar-se para a fase de grupos da Taça EHF.

Jogo realizado no pavilhão n.º2 do Estádio da Luz, em Lisboa.

Benfica – RK Nexe, 28-24.

Ao intervalo: 12-10.

Sob a arbitragem dos franceses Karim Gasmi e Raouf Gasmi, as equipas alinharam e marcaram:

- Benfica (28): Borko Ristovski (1), Carlos Martins (2), Carlos Molina, Francisco Pereira, René Toft Hansen (1), Nuno Grilo (4) e João Pais (2). Jogaram ainda Davide Carvalho (2), Romé Hebo, Pedro Seabra (4), Kévynn Nyokas (3), Bélone Moreira (3), Paulo Moreno (6) e Ricardo Pesqueira.

Treinador: Carlos Resende.

- RK Nexe (24): Moreno Car, Ivan Vida (2), Marko Buvinic (1), Sasa Barisic (6), Halil Jaganjac (7), Marin Jelinic (1) e Mario Tomic (3). Jogaram ainda Albin Eter, Marko Mrdenovic, Ivan Dumencic, Tomislav Severec (1), Zivam Pesic (3), Tomi Vozab e Gianfranco Pribetic.

Treinador: Hrvoje Horvat.

Marcha do marcador: 1-1 (05 minutos), 3-2 (10), 6-5 (15), 9-6 (20), 9-9 (25), 12-10 (intervalo), 15-11 (35), 15-12 (40), 19-16 (45), 22-19 (50), 25-23 (55) e 28-24 (resultado final).

Assistência: cerca de 500 espetadores.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.