O FC Porto sofreu hoje, em Montpellier, uma esperada derrota por 35-27 e falha assim o acesso aos quartos de final da Liga dos Campeões de andebol.

Na primeira mão do 'play-off' de acesso aos 'quartos', disputada no Porto, os gauleses já tinham sido mais fortes do que os 'dragões', dominando a partida, mas cedendo o empate na parte final, 29-29.

Hoje, no FDI Stadium de Montpellier, foi muito clara a diferença entre a equipa portuguesa e o Montpellier, clube já por duas vezes campeão na competição e uma das equipas mais fortes da atualidade.

O Montpellier, que contou com o português Gilberto Duarte, esteve sempre na frente do marcador - primeiro em crescendo, até ao intervalo, a que chegou a ganhar por 19-11, e depois a gerir a diferença, que terminou também com oito golos entre as equipas, após um 'pico' de dez golos de diferença.

O guarda-redes Sebastian Frandsen, decisivo a segurar o empate no Dragão Arena, no Porto, foi agora impotente para contrariar a extrema criatividade dos gauleses, que contaram com o 'poder de fogo' do internacional Hugo Descat, que chegou aos sete golos (dos quais seis na primeira parte), e de Kylian Villeminot, que marcou por seis vezes.

O luso-cubano Daymaro Salina foi o mais eficaz no FC Porto, ao atingir os seis golos em seis remates realizados.

Para os 'dragões', é o fim da linha esta época, após terem sido quintos classificados do Grupo B, o que valeu a terceira época nos ‘oitavos’.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.