O ponta direita Pedro Portela e o guarda-redes Humberto Gomes admitiram hoje a importância de Portugal consumar o pleno de vitórias frente à Argélia, na derradeira jornada do Grupo F da primeira fase do Mundial de andebol.

Se Pedro Portela foi eleito o jogador mais valioso (MVP) do jogo entre Portugal e Marrocos, do Mundial de Andebol, Humberto Gomes, de 43 anos, evidenciou-se no lugar do guarda-redes titular Alfredo Quintana, rubricando 16 defesas na quadra do New Capital Sports Hall, em New Administrative Capital.

“É um privilégio e um orgulho sem medida ter conseguido ficar nesta família para disputar um Mundial. Ontem [sábado] houve uma pequenina alegria com a qualificação para a ‘main round’. Fiquei muito feliz individualmente, porque consegui ajudar a equipa. Espero ter muitas mais alegrias iguais e estar ainda melhor nas batalhas que aí vêm”, afiançou.

O jogador mais veterano dos 20 convocados de Paulo Jorge Pereira atribui ao “trabalho e ao gostar imenso” da modalidade a longevidade na carreira, tendo detetado uma “mudança de mentalidades” entre a estreia no Euro2004 e a atual geração de andebolistas nacionais.

“Isso notou-se bem ontem [sábado] no final do jogo: se fosse noutros tempos tínhamos todos saltado de alegria e feito uma festa imensa pela qualificação para a ronda principal. Só que a malta quase não festejou, porque quer mais qualquer coisa. Achamos que foi algo normal e demos mais um passo, mas as nossas metas estão lá mais à frente”, notou.

O guarda-redes do Póvoa AC valoriza a renovação do andebol português, celebrizada com o histórico sexto lugar no Euro2020, que viveu de forma emocionada, sobretudo depois do triunfo sobre a Hungria (34-26) na última jornada da fase principal.

“O caminho deles continuará durante muitos e bons anos e o meu está quase a acabar. Não sei quando, mas eles terão muitos mais anos disto do que eu. Controlar emoções? Se as coisas correrem tão bem como no Europeu e consigamos chegar a uma fase mais adiantada e ganhar uma medalha, de certeza que essa lágrima vai aparecer”, prometeu.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.