O judoca Francisco Mendes, que se deveria estrear nos Mundiais de Tashkent, está lesionado e é baixa de última hora na seleção portuguesa, que reduz a sua participação para oito atletas.

Francisco Mendes, da Académica de Coimbra, seria o único estreante luso na competição em que estarão Rodrigo Lopes (-60 kg), João Fernando (-81 kg), Anri Egutidze (-90 kg), Jorge Fonseca (-100 kg), Catarina Costa (-48 kg), Joana Diogo (-52 kg), Bárbara Timo (-63 kg) e Rochele Nunes (+78 kg).

“Lesionei-me no estágio em Riccione, em Itália, num dos treinos. Uma lesão que, em princípio, não seria nada de grave, mas, ao fazer uma ressonância magnética e ao ter algumas queixas, revelou-se que seria uma lesão um bocadinho mais grave do que estávamos à espera”, disse à agência Lusa o judoca.

Francisco Mendes explicou que o exame indicou uma “rotura do cruzado anterior”, mas que ainda não sabe a estimativa do tempo de paragem, que se prevê longa, mas que saberá após a cirurgia que irá efetuar.

O judoca mostrou-se resignado com o contratempo, embora garanta que o objetivo a médio e longo prazo continua a ser o apuramento para os Jogos Olímpicos Paris2024, onde concorre diretamente pela vaga lusa com Rodrigo Lopes, da mesma categoria.

Francisco Mendes é a terceira baixa por lesão na seleção portuguesa, juntando-se a Telma Monteiro (-57 kg), quatro vezes vice-campeã mundial e que recupera de uma cirurgia a um joelho, e Patrícia Sampaio (-78 kg), também a recuperar de lesão.

Nos Mundiais, a decorrerem na capital uzbeque entre 06 e 13 de outubro, com o último dia dedicado à competição por equipas – em que Portugal não compete -, os nomes mais fortes, como cabeças de série, na equipa das ‘quinas’ são Jorge Fonseca e Catarina Costa.

Jorge Fonseca é bicampeão mundial de -100 kg, títulos que conquistou em 2019 em Tóquio e em 2021 em Budapeste, tornando-se o primeiro judoca português com um título mundial, enquanto Catarina Costa é vice-campeã europeia em título.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.