Atletas e treinadores da seleção nacional de judo, que se encontra em estágio em Coimbra, mostraram-se satisfeitos e motivados com o regresso aos treinos de preparação das próximas competições, depois de vários meses de confinamento.

Para a judoca Telma Monteiro, trata-se de "uma sensação muito boa e de um momento, de certa forma, de esperança", porque estiveram "este tempo todo a treinar de forma condicionada" e só agora voltaram "a treinar juntos de uma forma mais completa".

"É um primeiro passo que está a ser dado e que é importante. Óbvio que estamos sempre a aprender e como melhorar, mas, para já, estou contente, como também me sinto segura, muito tranquila e feliz por voltar a treinar a 100%", disse à agência Lusa a atleta mais titulada do judo português.

A atleta do Benfica realça que "toda a gente tinha saudades de praticar judo a 100% e de conviver uns com os outros", apesar de ter tido a possibilidade de treinar em casa com outros colegas de equipa durante a fase de confinamento.

"Embora não tenha sido o treino a 100%, consegui sempre manter-me a treinar, o que, de certa forma, me ajudou a ultrapassar esta fase de forma mais positiva", disse Telma Monteiro.

Salientando que existe "um ambiente muito bom na seleção", a judoca que foi medalha de bronze nos Jogos Olímpicos Rio2016 refere que os atletas já não se viam há muito tempo, embora a seleção olímpica feminina já tivesse realizado um estágio.

A benfiquista Bárbara Timo também não escondeu a felicidade por voltar a encontrar os companheiros de seleção, considerando o regresso aos treinos uma "catarse".

"Fiquei muito feliz de reencontrar os meus amigos, todos dentro das regras de segurança, e senti-me segura, pois não estaria aqui se não me sentisse segura no requisito de saúde", afirmou a judoca nascida no Rio de Janeiro e naturalizada portuguesa em janeiro de 2019.

O atleta Rodrigo Lopes, também do Benfica, mostrou-se "muito feliz" de estar de volta a trabalhar com a equipa, apesar de durante os meses críticos da pandemia ter treinado numa casa com um grupo de companheiros do clube 'encarnado'.

"Fiquei esperando por este dia muitos meses. Todos os dias que acordava estava torcendo para poder voltar a treinar com a minha equipa. Acho que está sendo muito bom para mim e estou muito feliz de estar aqui", enfatizou.

O judoca de origem brasileira naturalizado português considera que o estágio organizado pela Federação "veio numa altura excelente" para que os atletas pudessem voltar a trabalhar "como uma equipa".

A maioria dos atletas "conseguiu manter os treinos, adaptados às circunstâncias, em casa ou no exterior, mas todos conseguiram manter a sua aptidão física", constatou a treinadora sénior feminina Ana Hormigo.

"É normal que tenha havido [uma quebra física], mas rapidamente acreditamos que também vão conseguir atingir os níveis em que estavam", frisou a técnica, considerando que agora interessa é a "retoma em segurança".

Segundo Ana Hormigo, os atletas "estão todos muito agradados e esse é o principal objetivo neste primeiro estágio de judo".

"No fundo, para a maioria dos atletas é mesmo a retoma do judo e da seleção nacional, que era o mais importante, e estávamos todos muito ansiosos para que isto acontecesse", realçou.

O treinador da seleção nacional de juniores, Marco Morais, encontrou os atletas "bastante motivados, com bom espírito, vontade de recomeçar a trabalhar e felizes por estarem todos juntos outra vez".

"Temos um bom espírito de grupo, um bom espírito de equipa e isso reflete-se depois no treino", disse o técnico, salientando que o estágio pretende avaliar fisicamente os atletas, "tentar ao máximo dar o maior número de sensações possíveis de judo e, ao mesmo tempo, passar uma mensagem nacional, de que as coisas estão a caminhar no caminho certo".

Marco Morais considera "que estão todos bastante bem [fisicamente], porque tiveram cuidados em casa durante este período de pandemia e houve um grande trabalho por parte dos clubes de tentar manter as atividades, como aulas online, e alguns puderam fazer trabalhos no exterior".

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.