O atleta português Etson Barros conquistou hoje a medalha de ouro dos 2.000 metros obstáculos, a segunda da comitiva lusa no Festival Olímpico da Juventude Europeia, que hoje termina em Gyor, Hungria.

No último dia da competição, Barros completou a prova em 5.58,24 minutos, um novo recorde pessoal que lhe valeu a medalha de ouro e o segundo pódio para Portugal, depois do bronze do judoca Manuel Rodrigues, em -73 kg.

“Não estava a acreditar. Obrigado por apoiarem esta grande equipa”, atirou, no final, o corredor, em declarações reproduzidas pelo Comité Olímpico de Portugal (COP).

As medalhas de Etson Barros e Manuel Rodrigues são as primeiras portuguesas em oito anos, que não conseguiu nenhum pódio nos últimos dois festivais, depois das três medalhas de Tampere2009.

Ainda no atletismo, na final da estafeta masculina 4x100 metros, a equipa de João Buaró, André Pimenta, Rodrigo Agostinho e Tomás Gonçalves ficou no sexto lugar, com um tempo de 43,85 segundos, a mesma posição que alcançou João Peixoto na final dos 800 metros.

Na canoagem, Ana Caridade e Beatriz Costa falharam a final A de K2 200 m, terminando depois a final B no quarto lugar, com o oitavo melhor tempo na geral, enquanto César Santos e Sofia Peixotos, em C2 200 m, não conseguiram disputar nenhuma das finais.

O próximo Festival Olímpico da Juventude Europeia, que vai para a 15.ª edição, será em Baku, Azerbaijão, entre 20 e 28 de julho de 2019.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.