A seleção portuguesa de kayak-pólo conseguiu hoje a maior proeza da sua história, ao bater a vice-campeã mundial França, por 4-3, na estreia dos Europeus, que os gauleses organizam em St. Omer.

O triunfo, conquistado no último segundo da partida, com penálti convertido por Sérgio Bento, foi difícil, depois de os gauleses terem empatado 3-3 a um minuto do fim.

Os pupilos de Rui Salgado, que marcaram ainda através de Ricardo Assunção e de Vítor Assunção, recuperaram de desvantagens de 1-0 e 2-1.

“É importante começar bem e logo com um resultado histórico e motivador para o resto da competição”, disse à agência Lusa o presidente da Federação Portuguesa de Canoagem, Vítor Félix.

No segundo jogo da competição, Portugal defronta ainda hoje a Hungria e, na sexta-feira, mede forças com a Holanda na terceira ronda, formação que, tal como a França, já foi campeã da Europa e do mundo.

Passam aos quartos de final os dois primeiros de cada um dos quatro grupos.

Portugal organiza os Europeus de kayak-pólo em 2019.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.