O ciclista português Rui Oliveira (UAE Emirates) caiu hoje na terceira etapa da Volta ao Luxemburgo, ganha pelo alemão John Degenkolb (Lotto Soudal), mas segue em sexto lugar na geral da prova.

Degenkolb, que tinha abandonado a Volta a França logo no primeiro dia, após uma queda, 'vingou-se' na chegada a Schifflange, batendo a concorrência ao fim de 159,8 quilómetros, cumpridos em 3:35.43 horas.

Em segundo lugar ficou o romeno Eduard-Michael Grosu (Nippo Delko One Provence), novo líder da geral, com o belga Pieter Vanspeybrouck (Circus-Wanty Gobert) a fechar o pódio.

Na geral, o corredor luso segue em sexto a 12 segundos da liderança da prova, agora de Grosu, enquanto o irmão e colega de equipa, Ivo Oliveira, caiu para 115.º da geral.

Na sexta-feira, a quarta de cinco etapas liga Rodange a Differdange ao longo de 201 quilómetros, com seis contagens de montanha de primeira categoria a testarem o pelotão.

A União Ciclista Internacional disse hoje estar atenta e a dialogar com a organização sobre formas de melhorar a segurança dos ciclistas, que hoje voltaram a queixar-se da estrutura, liderada por Andy Schleck, por a estrada estar aberta ao trânsito apenas 500 metros após a meta, um dia depois de terem neutralizado, em protesto, mais de 100 quilómetros do trajeto.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.