O atleta português Armando Aldegalega foi esta terça-feira homenageado pelo Maratona Clube de Portugal na cerimónia de apresentação do 62.º GP Natal, que se realiza em Lisboa, a 15 de dezembro.

Aos 82 anos, Armando Aldegalega é o atleta que mais vezes participou no GP Natal e, apesar da mágoa de nunca a ter vencido, diz guardar boas memórias da prova lisboeta.

“Corri muitas vezes, mas nunca ganhei. Em 1965, com o Manuel de Oliveira, estava em grande forma e podia ter triunfado, mas não quis arrancar mais cedo e ele ganhou-me ao sprint”, recorda Armando Aldegalega.

Sobre a edição deste ano, que vai contar com ‘cabeças de cartaz’ como Dulce Félix, Jéssica Augusto e Sandra Teixeira, em femininos, e Hermano Ferreira, Samuel Barata e Andralino Furtado, em masculinos, Aldegalega promete dignificar a prova e ajudar quem queira participar.

“Vou fazer o melhor possível porque o que eu adoro é correr e a camaradagem que estes eventos envolvem”, afirma o atleta.

Armando Aldegalega participou pela primeira vez no GP Natal em 1960. Em 1962 foi o primeiro português a ganhar uma medalha de ouro no Jogos Pan-Americanos, em Madrid, e esteve por duas vezes em Jogos Olímpicos, em Tóquio 1964 e Munique 1972, e campeonatos da Europa, sempre na distância da maratona.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.