A World Athletics e o Instituto Internacional de Medicina de Corrida formaram uma ‘task force’ para “encontrar soluções e criar diretrizes” nos vários desportos de resistência de massas, devido à pandemia da Covid-19, anunciou hoje a antiga IAAF.

“O objetivo é divulgar recomendações para prevenir surtos de doenças em eventos de massas e fornecer aos organizadores das corridas e entidades reguladoras ferramentas de avaliação de risco e sugestões de planos de contingência. Queremos também aconselhar sobre a melhor forma e a forma mais segura de regressar à atividade após a pandemia”, explicou a World Athletics, em comunicado.

A ‘task force Prevenção de Surtos’ inclui também representantes da União Ciclista Internacional, da Federação Internacional de Esqui, da União Internacional de Triatlo, do Comité Paralímpico Internacional e da Federação Internacional de Canoagem, bem como membros da Organização Mundial da Saúde (OMS).

Personalidades da indústria do desporto, bem como patrocinadores e membros do media serão igualmente consultados.

“Queremos juntar representantes importantes do mundo dos desportos de resistência e ajudar a encontrar soluções e criar diretrizes viáveis e apropriadas para os atletas de competições de massa, mas também para as equipas, os voluntários e quem assiste. O objetivo é reduzir o risco de infeção”, disse o responsável pelo departamento de saúde e ciência da World Athletics, Stephane Bermon, que é também membro da nova ‘task force’.

A primeira reunião está agendada para 20 de abril.

A nível global, a pandemia de covid-19 já provocou mais de 145 mil mortos e infetou mais de 2,1 milhões de pessoas em 193 países e territórios. Mais de 465 mil doentes foram considerados curados.

A doença é transmitida por um novo coronavírus detetado no final de dezembro, em Wuhan, uma cidade do centro da China.

Para combater a pandemia, os governos mandaram para casa quatro mil milhões de pessoas (mais de metade da população do planeta), encerraram o comércio não essencial e reduziram drasticamente o tráfego aéreo, paralisando setores inteiros da economia mundial.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.