Os atletas que se qualificaram para a seleção portuguesa de estafeta mista que vai disputar o Europeu de corta-mato assumiram hoje, na Amora, o desejo de fazer “coisas bonitas”, em 08 de dezembro.

Paulo Rosário, vencedor da prova de 1.500 metros masculinos do 30.º corta-mato Cidade de Amora, lembrou que a prova que se irá disputar no Parque da Bela Vista, em Lisboa, será “muito aberta”, mas garantiu que a equipa portuguesa pode “sonhar” com objetivos elevados.

“Somos quatro atletas excelentes. Se estivermos ao nosso melhor nível, vamos conseguir fazer uma coisa bonita pela seleção”, disse à Lusa o atleta do Sporting, satisfeito pelo resultado, num terreno em que não é especialista.

Por sua vez, Salomé Afonso referiu que “nada é impossível” e que a equipa portuguesa de estafeta mista, que irá integrar juntamente com Paulo Rosário, Luís Monteiro e Marta Pen, entra na prova do Europeu de corta-mato com “boas expectativas”.

“Temos um lote de atletas bastante interessante, com potencialidades enormes. Portanto, acho que temos boas capacidades para lutar e obter o melhor resultado possível”, considerou a atleta ‘leonina’, vencedora da prova de 1.500 metros feminina do corta-mato da Amora.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.