O português Francisco Belo reconheceu hoje que esperava passar à final do lançamento do peso nos Europeus de pista coberta de forma mais folgada, depois de ter conseguido a oitava e última marca de apuramento em Glasgow, Escócia.

"O objetivo era chegar à final, mas não era suposto virmos aqui com sorte, era suposto virmos com resultados e esses resultados darem condições para passar à final. No entanto, neste caso o que conta são os resultados. Estou na final, são seis lançamentos e vou dar o meu melhor", afirmou Francisco Belo.

O atleta do Benfica qualificou-se com 20,31 metros, enquanto Tsanko Arnaudov, seu colega de clube e recordista nacional (21,27), ficou pelo caminho, terminando com 19,86, dois anos depois de ter sido quarto classificado.

Francisco Belo, que esta temporada alcançou um recorde pessoal, ao lançar a 20,90 metros em Istambul, entrou na qualificação com 19,93, melhorou depois para 20,31 e fez 20,15 ao terceiro ensaio.

Fora da final, que tem início às 20:35 de hoje, ficou Tsanko Arnaudov, que agora terminou no 12º. lugar da qualificação com 19,86 m, distância conseguida no primeiro ensaio e que depois não foi melhorada.

"Depois do primeiro ensaio, os outros não correram bem, mas estou ciente de que vim aqui e dei o meu melhor, saio de cabeça erguida, acima de tudo. Mas existem competições que não correm como nós queremos, mas não é por causa disso que nos vão deitar abaixo. Já estive bem noutras competições e tenho a convicção de que a pista ao ar livre vai ser minha", concluiu Tsanko Arnaudov, que fechou aqui a sua participação.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.