Portugal foi hoje aceite como membro de pleno direito do Comité Internacional dos Jogos Mediterrâneos (CIJM), anunciou o Comité Olímpico de Portugal (COP).

Em comunicado, o COP revelou que a Assembleia Geral do CIJM, reunida hoje em Tarragona (Espanha), aprovou a entrada de Portugal no seio da organização, “permitindo que possa desde já participar integralmente nos Jogos Mediterrâneos, a realizar no próximo ano naquela cidade espanhola, envolvendo cerca de 4.000 atletas, em 31 modalidades, em representação de 27 países”.

Há mais de duas décadas que o COP, que hoje esteve representado em Tarragona pelo presidente, José Manuel Constantino, pelo secretário-geral, José Manuel Araújo, e pelo diretor-geral, João Paulo Almeida, tentava integrar Portugal na CIJM.

O papel da entidade é o de promover o Desporto e o Olimpismo, e os ideais e os valores de que são portadores, nos países da bacia ou de influência mediterrânea.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.