As sportinguistas Salomé Rocha, quarta classificada, e Catarina Ribeiro, quinta, foram hoje as melhores representantes portuguesas no crosse de La Constitucion, em Alcobendas, prova que serviu para definir as seleções portuguesas para os Europeus de corta-mato.

Na pequena localidade perto de Madrid, as duas portuguesas estiveram nos lugares de decisão, terminando ambas no ‘top-5’, com Salomé Rocha em quarto, com 28.30 minutos, e a campeã nacional de 2017, Catarina Ribeiro, em quinto, com 29.09, enquanto a outra portuguesa, Cátia Santos (Estreito), foi 14.ª, com 30.03.

A vencedora da prova foi a queniana Eva Cherono, com 27.20 minutos, que se impôs à favorita, a compatriota Gloria Kite (27.30), fechando o pódio a espanhola Trihas Gebre (28.01).

Na prova masculina, o melhor português foi o benfiquista André Pereira, 10º classificado, e vencedor o ugandês Jacob Kiplimo, campeão mundial sub-20 de corta-mato, que obteve o terceiro triunfo este ano em crosses espanhóis, cortando a meta em 30.01 minutos, deixando o eritreu Aron Kifle a 22 segundos e o júnior queniano do Benfica Edward Zakayo, a 43 segundos.

Nesta prova de seleção da equipa nacional, o sportinguista António Silva (segundo no crosse de Amora) foi 13º, com outro sportinguista, Miguel Marques (vencedor em Torres Vedras), a chegar em 15º lugar, à frente do colega de equipa Tiago Costa. Os dois melhores portugueses deverão ser convocados para os Europeus em Tilburg, na Holanda.

Este crosse espanhol serviu para fechar as observações da seleção nacional portuguesa para os Europeus de corta-mato, com os critérios a determinarem a escolha dos quatro melhores portugueses dos escalões etários mais baixos em Alcobendas (com exceção dos sub-20 femininos, que já têm uma selecionada, Mariana Machado, e com a federação a determinar se mantém o critério).

Nos sub-23 femininos, a melhor portuguesa foi Lília Martins (J. Vidigalense), sexta no escalão, à frente de Manuela Martins, do Maratona (7ª), de Helena Alves, do Várzea (9ª), e de Laura Regalado, do Grecas (12ª).

Em masculinos, o melhor dos portugueses foi João Pereira, do Maratona (segundo no escalão), à frente de Filipe Fialho, do Benfica (4º), Ricardo Ferreira, do Novas Luzes (5º), e Pedro Silva, do AC Póvoa (7º).

No escalão de sub-20, a maiata Lia Lemos, vencedora em Torres Vedras, foi a melhor portuguesa (5ª na geral), seguida de Patrícia Silva, do Benfica (7ª) e Laura Taborda (12ª).

Em masculinos, o melhor foi o benfiquista Isaac Nader (também vencedor em Torres Vedras), em quinto, e depois ficaram os também benfiquistas Duarte Gomes (7º) e Miguel Ribeiro (8º), todos à frente de Nuno Pereira, do Sporting (10º).

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.