O Sporting apresentou hoje as principais contratações para a nova época de atletismo, Rui Pinto e Lia Lemos, ambos para os setores de meio-fundo, que colocam o clube como reforçado favorito no corta-mato.

Rui Pinto, atual campeão nacional de crosse, chega a Alvalade proveniente do 4 Run, depois de nove anos no Benfica. "É um passo super importante na carreira, porque o Sporting é uma referência no atletismo nacional. Poder vestir esta camisola é um motivo de enorme orgulho”, disse o atleta.

Do Maia AC chega Lia Lemos, uma das melhores fundistas da nova geração e que foi oitava no domingo, no crosse de Soria (Espanha). "Sinto um enorme orgulho por assinar pelo Sporting, vai ser uma nova etapa da minha vida e espero que seja recheada de sucesso. Quero superar-me e superar as expectativas com a minha entrada”, disse a atleta, que foi campeã nacional em todos os escalões de formação pelo anterior clube.

Miguel Borges, que nos últimos anos representou os mesmos clubes que Rui Pinto, é outro dos fundistas dos 'leões' nos próximos anos. "É muito importante para mim, nesta fase da minha carreira, surgir a oportunidade de integrar o projeto do Sporting, que tem uma dimensão enorme. É com enorme orgulho que encaro este novo desafio" afirmou.

Para o seu meio-fundo, o Sporting foi ainda buscar Inês Borba ao Vitória de Setúbal, mantendo na equipa feminina Sara Moreira, Jessica Augusto, Salomé Rocha e Catarina Ribeiro, as quatro primeiras em 2021. Inês Monteiro regressa ao CA de Seia.

Em masculinos, deixa de contar com Rui Pedro Silva (para o S. Salvador do Campo) e com António Silva (para a Casa do Benfica de Faro), mas renovou com Rui Teixeira e Licínio Pimentel e reforçou-se ainda com João Pereira (ex-V. Setúbal), terceiro do último nacional de crosse.

O Benfica deixou sair um grande número de primeiros e segundos planos, como a olímpica Marta Pen, que passa a individual.

Para a pista, avança com a contratação ao Fátima das são-tomenses Ágate Sousa e Gorete Semedo, grandes revelações da época passada. Terá também para a nova época Ericsson Tavares (ex-CA Seia) para os 400 metros e Rui Coelho (ex-CA Seia) para a marcha.

Em masculinos os 'encarnados' ainda são favoritos na pista, mas perdem alguns nomes que podem dificultar a tarefa.

Quanto ao Sporting, avança com os velocistas Mauro Pereira (ex-Sobral de Ceira) e João Coelho (que era individual), o decatlonista Abdel Larrinaga (ex-Estreito), a eclética Sofia Lavreshina (ex-Juventude Vidigalense), a varista Raquel Marques (ex-Fátima) e ainda os saltadores Diogo Oliveira (ex-Grecas) e Rinelmo Sami (ex-Casa do Benfica de Faro).

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.