O lançador do Benfica venceu no lançamento do peso com 20,65 metros, a sua melhor marca deste ano ao ar livre (tem 21,27 metros em pista coberta), impondo-se ao luxemburguês Bob Bertemes (com 20,47 metros)

O também benfiquista Francisco Belo terminou no terceiro lugar, ao lançar a 20,33 metros, naquela que foi a sua melhor marca do ano, enquanto Marco Fortes, do Sporting, não foi além do sexto lugar, com 17,85.

Edi Maia, do Sporting, venceu o concurso do salto com vara, com 5,40 metros, tentando depois sem sucesso os 5,65 metros que lhe dariam acesso aos Europeus, que vão ser disputados entre 07 e 12 de agosto, em Berlim.

A também sportinguista Lorene Bazolo foi a mais rápida nos 200 metros, em 23,50 segundos, mas com forte vento contrário (-2,8 m/s). A velocista foi ainda segunda na eliminatória dos 100 metros em 11,52 segundos (v: -1,0 m/s) e terminou em terceiro na final (v: +0,3 m/s), com a marca de 11,33 segundos, a sua melhor marca deste ano, melhorada em 11 centésimos.

Dorothée Évora, do Sporting, terminou os 400 metros no segundo lugar, com o seu recorde pessoal (53,54 segundos), à frente da benfiquista Rivinilda Mentai (53,77), terceira classificada, e da também sportinguista Andreia Crespo (55,74).

No lançamento do disco, Liliana Cá, do Novas Luzes, foi segunda classificada com a marca de 58,64 metros, atrás da alemã Kristin Pudenz (60,44 metros), enquanto Marta Onofre, no salto com vara, terminou em terceiro, com 4,10 metros, à frente da companheira de Cátia Pereira, quinta, com 3,80.

Tiago Horta (Sporting) foi quinto nos 400 metros, com 48,69 segundos, Sandy Martins (Sporting) foi sétimo nos 800 metros, com 1.49,56 minutos.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.