O ugandês Jacop Kiplimo bateu hoje o recorde mundial na 30.ª edição da meia maratona de Lisboa, com o tempo de 57.31 minutos, enquanto a etíope Tsehay Beyan venceu a prova feminina, em 1:06.06 horas.

Kiplimo, campeão do mundo da distância, reduziu em um segundo o recorde que pertencia ao queniano Kibiwott Kandie (57.32) desde 2020, na cidade espanhola de Valência.

O pódio ficou completo com os etíopes Huseyidin Esa e Gerba Dibaba, segundo e terceiro classificados, respetivamente, com o mesmo tempo de 59.39 minutos.

Na prova feminina, Tsemay Beyan levou a melhor perante a concorrência das quenianas Daisy Cherotich (1:06.15) e Joyce Tele (1:06.19), que concluíram o pódio.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.