O extremo do Petro de Luanda Gerson Lukeny, que esta temporada termina o vínculo contratual com a formação ''tricolor'', poderá mudar-se para o campeonato espanhol, em 2018, soube Angop de fonte oficial.

De acordo com o representante do atleta, o agente FIBA José Pedro, o jogador despertou o interesse de clubes espanhóis depois da sua presença no torneio pré-olímpico, disputado na Sérvia, onde representou a selecção nacional e antes nos Jogos Panafricanos de 2015, no Congo, conquistando a medalha de ouro.

“Depois do torneio fomos contactados por vários clubes, da primeira e segunda divisão, solicitando as estatísticas regulares do atleta. Como nas duas últimas temporadas se destacou, se assumindo, apesar da idade, como um dos líderes da equipa, os clubes apresentaram propostas efectivas para sua contratação”, frisou a fonte.

José Pedro explicou que há interesse de outros clubes nacionais, mas que a prioridade é actuar fora de Angola em campeonatos mais competitivos, para ganhar visibilidade.

“Recebemos propostas de vários clubes, inclusive de equipas angolanas, mas maior parte delas vem da Espanha, país muito atento a evolução do basquetebol angolano. Posso adiantar que um dos clubes é o Joventud”, salientou, acrescentando que jogar na Liga Endesa (Espanha) poderá potenciar o atleta para o basquetebol norte-americano.

Com 21 anos de idade, Gerson Lukeny foi a principal revelação do Campeonato Nacional “Bic Basket” em 2015 e consolidou a sua posição entre as principais referências da prova em 2016.

Com 1,92 metros, o jogador que se encontra ao serviço da selecção nacional, que prepara presença no Afrobasket deste ano, destaca-se pela sua capacidade de impulsão,

lançamento dos três pontos e versatilidade, faltando-lhe melhorias no drible e “explosão”.

Desde cedo que Lukeny vem com “pinta” de campeão, tendo conquistado competições em iniciados (de 2008 a 2010) e juniores em 2014. Em 2015, na estreia na equipa principal do Petro de Luanda, foi o melhor recuperador do Campeonato Nacional, tendo se sagrado, um ano mais tarde, campeão nacional, pelos “petrolíferos”.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.