Os Boston Celtics venceram no sábado os Miami Heat, por 117-106, relançando a final da Conferência Este da Liga norte-americana de basquetebol (NBA).

Depois de duas derrotas, a equipa com mais títulos na história da competição - tem 17 troféus conquistados, o último dos quais em 2008 -, ‘despertou’ e, impulsionada pela exibição do duo Jaylen Brown e Jayson Tatum, reduziu para 2-1 a sua desvantagem na final da Conferência.

Ao contrário do que aconteceu nos jogos anteriores, desta vez não houve recuperação dos Heat, nem momentos de pânico por parte dos Celtics, que demonstraram mais solidez e dureza do que os adversários, chegando a liderar por 19 pontos de vantagem no início do último tempo.

Na noite de sábado em Orlando, onde a NBA está a disputar a fase final do campeonato, Jaylen Brown (26 pontos) e Jayson Tatum (25 pontos, 14 ressaltos e oito assistências) contaram com a ajuda de Kemba Walker (21 pontos) e Marcus Smart (20) para derrotarem os Heat, com os quatro a totalizaram 92 pontos dos 117 da equipa de Boston – foi a primeira vez desde os ‘play-offs’ de 2018 que os Celtics tiveram quatro jogadores a superar a marca dos 20 pontos.

Embora Bam Adebayo, com 27 pontos e 16 ressaltos, tenha tentado carregar a equipa da Florida para a tão desejada terceira vitória, que deixaria os campeões de 2006, 2012 e 2013 a um triunfo das finais da NBA, os Celtics conseguiram deixar tudo em aberto.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.