O poste sérvio Nikola Jokic, dos Denver Nuggets, foi eleito terça-feira o ‘Jogador Mais Valioso’ (MVP) da época regular da Liga norte-americana de basquetebol (NBA), ‘dando’ o terceiro título consecutivo à Europa, após dois do grego Giannis Antetokounmpo.

Jokic, de 26 anos, superou o poste camaronês Joel Embiid (Philadelphia 76ers), segundo colocado, e Stephen Curry (Golden State Warriors), terceiro, que já tinha conquistado o prémio em duas ocasiões, em 2014/15 e 2015/16.

Além do sérvio e do grego, só outros três jogadores não nascidos nos Estados Unidos ganharam o troféu, o alemão Dirk Nowitzki, o primeiro europeu (2006/07), o nigeriano Hakeem Olajuwon (1993/94) e o canadiano Steve Nash (2004/05 e 2005/06).

O ‘Joker’, que foi eleito na 41.ª posição do ‘draft’ de 2014, tornou-se também o jogador com a mais baixa escolha de sempre a ganhar o MVP da fase regular.

Na ‘regular season’ de 2020/21, Jokic conseguiu as médias de 26,4 pontos - com 56,6% nos lançamentos de campo, incluindo 38,8% nos ‘triplos’ -, 10,8 ressaltos e 8,3 assistências.

O sérvio recebeu um total de 971 pontos (91 votos para o primeiro lugar), contra 586 de Embiid e 453 de Curry. O quarto foi Antetokounmpo (Milwaukee Bucks), com 348, enquanto Chris Paul (Phoenix Suns) ficou na quinta posição, com 139.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.