A Espanha, detentora do título mundial de basquetebol, foi hoje eliminada do Campeonato do Mundo de 2023, ao terminar em terceiro lugar no seu grupo na segunda fase, após a derrota com o Canadá, por 88-85.

A seleção espanhola, que em 2019 bateu a agora ausente Argentina na final, ficou afastada dos quartos de final e terminou a competição no nono lugar, a pior classificação em mundiais desde 1994, quando foram 10.ºs.

Além do Canadá, também a Letónia, que na sexta-feira já tinha batido a seleção espanhola (74-69), ficou à frente dos campeões em título no Grupo L, que até tinham vencido o seu grupo na primeira fase, impondo-se a Brasil, Costa do Marfim e Irão.

O Canadá, que recuperou de uma desvantagem de sete pontos nos últimos quatro minutos, vai defrontar, em Manila, nos quartos de final, a Eslovénia, de Luka Doncic, apesar da derrota de hoje diante da Alemanha (100-71).

Também hoje, os Estados Unidos concederam a primeira derrota na competição, ao perderem frente à Lituânia, por 110-104, mas asseguraram a presença nos 'quartos', com o segundo lugar no Grupo J, defrontando a Itália, vencedora do agrupamento I.

A seleção transalpina vai disputar os seus primeiros ‘quartos’ desde 1998, depois de ter vencido Porto Rico, por 73-57.

O quadro dos quartos de final fica completo com o embate entre Lituânia, primeira do Grupo J, e a Sérvia, segunda do I, e o confronto entre a Alemanha e a Letónia, que, na primeira fase, eliminou a França, vice-campeã olímpica em título e terceira no Mundial2019.

Entre as seleções já eliminadas, a Austrália, que hoje venceu a Geórgia (100-84), é a única com o prémio de consolação de se ter qualificado para os Jogos Olímpicos, com o 10.º luar final.

Todas as outras seguintes, casos de Montenegro, Porto Rico, Brasil – que hoje perdeu com a Letónia por 104-84 –, República Dominicana, Grécia e Geórgia vão ter de disputar a qualificação para Paris2024.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.