A Espanha, atual campeã, e os Estados Unidos entraram hoje a ganhar na fase preliminar do Mundial de basquetebol, que decorre no Japão, Indonésia e Filipinas, tal como o Brasil, enquanto Cabo Verde foi derrotado.

A seleção dos Estados Unidos venceu a Nova Zelândia por 99-72, com Paolo Banchero, dos Orlando Magic, como melhor marcador do encontro, com 21 pontos, a que juntou quatro ressaltos e uma assistência.

Crónicos candidatos ao triunfo na competição, apesar de muitas das principais figuras da liga norte-americana de basquetebol (NBA) não estarem presentes, os Estados Unidos entraram a ganhar no Grupo C, como era esperado, tal como a Grécia, que não conta com a ‘estrela’ Giannis Antetokounmpo, mas bateu a Jordânia por 92-71.

A Espanha, atual detentora do troféu, não conta com o base Ricky Rubio devido a questão de saúde mental, mas venceu de forma confortável a Costa do Marfim, por 94-64, com o poste Willy Hernangomez a conseguir 22 pontos, cinco ressaltos e uma assistência.

No mesmo Grupo G, o Brasil também superou com facilidade o Irão por 100-59, com 16 pontos e sete ressaltos de Bruno Caboclo.

No Grupo F, a Eslovénia, liderada pelo ‘astro’ Luka Doncic, superou a Venezuela por 100-85, com o base esloveno a conseguir 37 pontos, sete ressaltos e seis assistências, sendo decisivo para o triunfo.

Na mesma ‘poule’, Cabo Verde foi derrotado pela Geórgia por 85-60, com Tornike Shengelia a conseguir 16 pontos, enquanto do lado dos cabo-verdianos o melhor marcador foi Kenneti Mendes, com 11 pontos.

Já no Grupo B, a Sérvia, sem o poste Nikola Jokic, recentemente campeão na NBA com os Denver Nuggets, bateu a China por 105-63, enquanto no outro jogo da ‘poule’, Porto Rico superiorizou-se ao Sudão do Sul, por 101-96, num jogo apenas decidido no prolongamento.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.