O FC Porto somou hoje a primeira vitória no grupo H da Taça da Europa de basquetebol, na receção da segunda jornada aos romenos do Oradea (75-63), num jogo em que o terceiro período ‘demolidor’ fez a diferença.

Frente aos romenos do CSM Oradea, que concluíram a edição transata da Taça da Europa no terceiro lugar, os ‘dragões’ tiveram uma entrada forte e venciam por 8-0, mas, após uma recuperação para 10-8 dos forasteiros, o técnico Moncho López pediu ‘time out’, pressentindo uma viragem de pendor.

Foi o que aconteceu, com o Oradea a concluir o primeiro período a vencer por 18-15, antes de solidificar uma vantagem, ainda que magra, no segundo: ao intervalo, os ‘azuis e brancos’ perdiam por 38-33.

No terceiro período, a equipa portuguesa operou a reviravolta no marcador com um parcial ‘demolidor’: 22-6 para a formação da casa, aliando mérito ao demérito do adversário.

No quarto período, controlaram e ainda aumentaram em um ponto a vantagem, fechando o marcador nos 75-63, ‘apesar’ dos 30 pontos e cinco ressaltos de Garlon Green; no FC Porto, foi também um norte-americano a destacar-se, Rashard Odomes, com 22 pontos, seis ressaltos e uma assistência.

O resultado deixa os portistas com três pontos, igualando os húngaros do Szolnoki Olaj, com os polacos do Légia no primeiro lugar, com o pleno de quatro pontos. O Oradea tem dois pontos.

Na próxima ronda, agendada para 27 de outubro, os ‘dragões’ visitam a Polónia para defrontar o líder da ‘poule’.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.