Paul Pierce, Chris Webber, Chris Bosh e o croata Toni Kukoc foram este domingo introduzidos oficialmente no ‘Hall of Fame’ de basquetebol dos Estados Unidos, como fazendo parte da classe de 2021, numa cerimónia em Uncasville, no Connecticut.

Desta lista, que junta jogadores, treinadores e pessoas ligadas à modalidade, fazem ainda parte o antigo poste Ben Wallace o lendário Bill Russell, que já fazia parte do ‘Naismith Memorial Basketball Hall of Fame’ como jogador, passando agora também a marcar presença como treinador, tornando-se apenas na quinta pessoa a ter essa dupla distinção.

Paul Pierce, campeão pelo Boston Celtics em 2008, e Chris Bosh, duas vezes campeão com os Miami Heat, integram a classe de 2021, juntamente com Chris Webber, ex-poste nos anos 1990 e na primeira década do século XXI, que estava há vários anos para ser integrado, mas nunca conseguiu arrecadar votos suficientes.

Este ano, o comité internacional do ‘Hall of Fame’ optou por introduzir o croata Toni Kukoc, que deu nas vistas nos Chicago Bulls nos anos 1990.

Horas antes, a organização já tinha revelado os nomes que compunham a classe de 2020, com principal destaque para Kobe Bryant, uma das maiores figuras da modalidade dos LA Lakers e que em 26 de janeiro de 2020 perdeu a vida, num trágico acidente de helicóptero que também vitimou a sua filha Gianna, de apenas 13 anos.

Tim Duncan (San António Spurs) e Kevin Garnett (Boston Celtics) vão também integrar a classe referente ao ano passado, que só agora foi divulgada devido à pandemia da covid-19.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.