O neerlandês Antwan Tolhoek, reforço da Sabgal-Anicolor para esta temporada, foi hoje suspenso provisoriamente pela União Ciclista Internacional, devido a um positivo por esteroides anabolizantes, registado ainda antes de chegar à equipa portuguesa.

Confirmado como reforço da principal formação nacional em 08 de dezembro, o antigo ciclista da Lidl-Trek teve um controlo positivo a esteroides anabolizantes em 27 de novembro de 2023.

Aos 29 anos, e depois de sete temporadas no WorldTour, o primeiro escalão do ciclismo mundial, Antwan Tolhoek procurava relançar a sua carreira em Portugal, após dois anos discretos no pelotão internacional, motivados por uma lesão que condicionou as suas prestações.

Depois de iniciar o seu percurso profissional como estagiário na extinta Tinkoff-Saxo, em 2015, Tolhoek assinou pela LottoNL-Jumbo (a atual Visma-Lease a Bike) em 2017, trocando a equipa do seu país pela Trek-Segafredo em 2022.

Conhecido pelas qualidades de trepador, participou em quatro grandes Voltas, nomeadamente no Tour2018, em que foi 37.º (e sexto melhor jovem), já depois de ter sido 28.º na Vuelta2017.

No seu percurso, no qual venceu uma etapa na Volta à Suíça de 2019, conta ainda com participações em provas emblemáticas do ciclismo mundial, como o Critério do Dauphiné, a Volta à Lombardia ou a Liège-Bastogne-Liège.

O caso de Tolhoek consta na lista de suspensões provisórias da UCI, hoje atualizada.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.