O ciclista belga Dries de Bondt (Alpecin-Fenix) venceu hoje a 18.ª etapa da Volta a Itália, num ‘sprint’ restrito, com o equatoriano Richard Carapaz (INEOS) a seguir líder no dia do abandono do português João Almeida (UAE Emirates).

De Bondt, de 30 anos, integrou a fuga do dia e venceu os companheiros dessa tentativa no final dos 157 quilómetros entre Borgo Valsugana e Treviso, cumpridos em 3:21.51 horas, à frente do italiano Edoardo Affini (Jumbo-Visma), segundo, e do dinamarquês Magnus Cort (EF Education-Easy Post), terceiro.

O pelotão chegou a 14 segundos com o camisola rosa, Carapaz, que manteve três segundos de vantagem para o australiano Jai Hindley (BORA-hansgrohe), segundo. O espanhol Mikel Landa (Bahrain-Victorious) é terceiro, a 1.05 minutos, em dia de abandono de João Almeida, positivo à covid-19, quando era quarto.

Na sexta-feira, a 19.ª de 21 etapas liga Marano Lagunare ao Santuário de Castelmonte em 178 quilómetros marcados pela alta montanha, com chegada em alto.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.