O pelotão da 75.ª Volta a Portugal em bicicleta enfrenta hoje o primeiro de três dias na Serra da Estrela, numa sétima etapa que vai por à prova a liderança do espanhol Sergio Pardilla (MTN-Qhubeka).

Num momento decisivo na luta pela geral, os ciclistas terão pela frente 176,3 quilómetros entre as Termas de Monfortinho e Gouveia, nos quais estão colocadas as duras subidas às Penhas da Saúde (1.ª categoria) e Penhas Douradas (2.ª).

Ao quilómetro 117, já depois de passarem a contagem de quarta categoria da Senhora da Graça, em Idanha-a-Nova, e as metas volantes de Oledo e Covilhã, os 139 resistentes começarão a ascender rumo às Penhas da Saúde, uma subida de 12,3 quilómetros com 7,4 por cento de inclinação.

Antes de atacar as rampas empedradas a caminho da meta em Gouveia, numa contagem de terceira categoria, o pelotão terá ainda de enfrentar uma meta volante em Manteiga e os 9,9 quilómetros até às Penhas Douradas, com uma inclinação média de 6,3 por cento.

Um dia antes da chegada à Torre, Sergio Pardilla, que tem Rui Sousa (Efapel-Glassdrive) com o mesmo tempo e o espanhol Gustavo Veloso (OFM-Quinta da Lixa) a sete segundos, terá de defender a camisola amarela dos ataques dos outros candidatos.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.