O ciclista português Ivo Oliveira (UAE Emirates) revelou hoje que a operação a uma fratura no fémur foi bem sucedida e vai concentrar-se na recuperação, após uma queda na quinta etapa do Critério do Dauphiné.

“A operação ao fémur correu bem e agora restam longos meses de recuperação”, escreveu o ciclista, na rede social Instagram.

Oliveira, que era o único português em prova no Dauphiné, desistiu após cair a cerca de 30 quilómetros do final da quinta etapa, na quinta-feira, e exames médicos confirmaram uma fratura.

A equipa deu conta da operação com caráter urgente, agora realizada ao ciclista, de 24 anos, que estava na lista de pré-convocados da formação dos Emirados Árabes Unidos para correr a Volta a França, em apoio do último vencedor, o esloveno Tadej Pogacar.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.