O espanhol Joaquim Rodríguez, que tinha assinado pela Bahrain-Merida para a temporada de 2017, anunciou hoje a retirada do ciclismo para integrar a equipa técnica do conjunto que tem o italiano Vincenzo Nibali como chefe de fila.

'Purito', de 37 anos, antecipa em um ano a entrada na equipa técnica da recém-criada equipa, depois de ter planeado correr mais um ano antes de deixar as bicicletas em 2018.

"Daqui para a frente, vou trabalhar para passar a minha experiência e ajudar ao máximo os jovens talentos da equipa", disse o ciclista, através da rede social Instagram.

Rodríguez, que em 2013 foi terceiro na Volta à França, não se sente "preparado para regressar a 100%, física ou mentalmente, a correr ao mais alto nível".

O trepador espanhol já uma vez tinha anunciado planos de se retirar no final de 2016, durante a Volta a França, no verão, mas foi persuadido a continuar no desporto ao ajudar o arranque da Bahrain-Merida.

'Purito' Rodríguez correu desde 2010 pela equipa russa Katusha, tendo passado períodos na espanhola Once, entre 2000 e 2003, na Saunier Duval, de 2004 e 2006, e na Caisse d'Epargne, de 2007 a 2009.

Durante os Jogos Olímpicos Rio2016, foi quinto classificado na prova de ciclismo de fundo, num ano em que terminou em sétimo lugar na Volta à França e em quarto na Clássica de San Sebastián.

Em 2010, 2012 e 2013 venceu a classificação por pontos da principal divisão do ciclismo mundial, o UCI World Tour, numa carreira que inclui nove vitórias em etapa na Volta à Espanha, bem como a classificação de montanha (2005), além da camisola de pontos da Volta à Itália e a conquista de La Flèche Wallonne em 2012, entre outras conquistas numa carreira de 16 anos.

Newsletter

Receba o melhor do SAPO Desporto. Diariamente. No seu email.

Notificações

SAPO Desporto sempre consigo. Vão vir "charters" de notificações.

Na sua rede favorita

Siga-nos na sua rede favorita.