José Azevedo, diretor desportivo da RadioShack, de visita hoje à caravana, apontou Rui Sousa (Efapel-Glassdrive) como o grande favorito a vencer a 75.ª Volta a Portugal em bicicleta.

«É difícil escolher um favorito, no entanto, tendo em conta o percurso, as características e a condição física demonstrada até agora, o Rui Sousa é o principal candidato a ganhar a Volta», disse José Azevedo à partida para a quinta etapa, em Lousada.

O diretor desportivo da equipa do WorldTour analisou as ocorrências dos últimos dias, destacando o «bom momento» de Rui Sousa e o perigo que representam os corredores estrangeiros, que estão «fortes».

«O Pardilla ontem demonstrou que, apesar de não ser um grande contrarrelogista, é um excelente trepador. E há outros corredores, como o ciclista da Astana, o cazaque [Vladislav Gorbunov], que é desconhecido, mas que há que ter em conta. Há que estar atento», apontou.

Para o quinto classificado da Volta a França de 2004, serão as equipas portuguesas a ter o protagonismo da prova mais importante do calendário português.

De visita ao pelotão com a família, José Azevedo assumiu que sente falta dos seus tempos na maior prova velocipédica nacional.

«A Volta está perto de casa, aproveitei para ver alguma gente amiga, para poder estar com a nossa equipa da Leopard-Trek, para poder estar com os jovens da nossa equipa continental. É lógico que é um pouco as saudades e a paixão pelo ciclismo que me fazem vir aqui», reconheceu.

Seja o melhor treinador de bancada!

Subscreva a newsletter do SAPO Desporto.

Vão vir "charters" de notificações.

Ative as notificações do SAPO Desporto.

Não fique fora de jogo!

Siga o SAPO Desporto nas redes sociais. Use a #SAPOdesporto nas suas publicações.